MUNICÍPIO LANÇA REFIS COM TRÊS OPÇÕES DE VENCIMENTO

Projeto para refinanciar os pagamentos em atraso com o IPTU foi aprovado pela Câmara junto com pacote de medidas da reforma administrativa. Dívidas ajuizadas podem ser resgatadas e reprogramadas com o Refis

Postada em 21 jul 2017

Já está valendo o prazo para os contribuintes que têm dívidas em atraso do IPTU e esperam por uma oportunidade de saldar os débitos. O Programa de Recuperação Fiscal – Refis foi aprovado pela Câmara de Vereadores junto ao pacote de medidas da reforma administrativa do Executivo. Quem estiver inadimplente com o Município terá até três vencimentos com descontos. Dívidas ajuizadas podem ser resgatadas e reprogramadas com o Refis.

O prazo até 29/9 oferece 100% sobre juros e multas, até 31/10 95% e até 11/12 são 90% de desconto. Os contribuintes podem procurar a Secretaria Municipal da Fazenda, no prédio anexo ao Banco do Brasil, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h, sem intervalo para o almoço.

Segundo o secretário municipal da Fazenda, Erton Neuhaus, a oportunidade vale tanto para o contribuinte que precisa estar em dia com a Prefeitura como para o Município em receber o que lhe é devido. “São três vencimentos em cinco meses de possibilidade de pagamento. O Município tem hoje um valor expressivo a receber de dívidas antigas do IPTU, e uma forma de arrecadar é por meio de refinanciamento”, disse.

Ainda de acordo com o secretário, “importante destacar que essa possibilidade de 100% já está vigente, embora o vencimento seja só em 29 de setembro, o contribuinte já pode se adiantar e quitar, podendo fazer uma parte agora, outra em agosto e outra em setembro, com 100% de todas dividas atrasadas do IPTU até 31/12 2016, exceto ITBI e honorários de sucumbência”, explica Erton.

A expectativa do Município é realizar uma ampla divulgação para incentivar o contribuinte que estiver inadimplente a regularizar a situação junto à Prefeitura.
AMN

CONFIRA A REPORTAGEM EM ÁUDIO

Comentar


Publicidade